Notícias
Agenda de Concertos
stqqssd
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
DEZ 17  >
x
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
09/10/2017Orquestra Sinfônica Brasileira promoverá evento beneficente no Rio de JaneiroConcerto celebrará a nova fase da organização

 Reconhecida como um dos conjuntos sinfônicos mais importantes da música sinfônica nacional, a Orquestra Sinfônica Brasileira soma mais de 5 mil concertos ao longo de seus 77 anos de atuação, revelando diversos talentos e promovendo, através de seus projetos educacionais e concertos públicos, a democratização do acesso à cultura. Após um período de dificuldades financeiras, a Fundação OSB anuncia a celebração de importantes contratos de patrocínio com a empresa Brookfield e com a Nova Transportadora do Sudeste, que leva o crédito de mantenedora.


Para celebrar a retomada de suas atividades a Fundação promoverá um concerto beneficente, em prol das atividades da Orquestra Sinfônica Brasileira, no dia 22 de outubro na Sala Cecília Meireles, na Lapa, centro do Rio de Janeiro. Regido pelo maestro Roberto Tibiriçá e tendo Leonardo Hilsdorf como solista, o evento receberá cerca de 700 pessoas. Além de ser uma verdadeira celebração da música sinfônica, este momento será, sobretudo, um marco na história da orquestra. Os ingressos estão sendo vendidos pelo telefone (21) 2142-5800/2142-5833, das 8h30 às 12h30 ou pelo link da Ingresso Rápido!

“Nosso corpo orquestral guarda inegável qualidade e a história da nossa orquestra é consagrada internacionalmente. Com a reestruturação executiva que promovemos recentemente, seremos capazes de apresentar ao público um trabalho absolutamente novo no mercado e na história da música sinfônica no país, focando também nos projetos de responsabilidade social”, comenta Eleazar de Carvalho Filho, presidente do conselho curador da Fundação OSB.

Na ocasião, também será oficializado o retorno do calendário de eventos da orquestra, já que a Fundação retomou o pagamento de seus músicos no início de setembro. Segundo Eleazar, serão anunciadas no evento as datas dos próximos concertos referentes à temporada na Sala Cecília Meireles, marcando a volta das atividades da orquestra. A Fundação firmou parceria com a rádio MEC para transmissões ao vivo dos concertos pela Rádio e pelas redes sociais.

“Estamos trabalhando há 9 meses na reestruturação e na qualificação da gestão da Fundação. Implantamos importantes áreas gerenciais como a controladoria, a unidade de monitoramento de projetos e análise de conformidade legal – o que estamos chamando de ‘compliance cultural’. Procuramos estabelecer novos paradigmas de gestão, sobretudo alinhados com as mudanças da Lei Rouanet. Temos trabalhado lado a lado com o Ministério da Cultura, buscando o rigor necessário na prestação de contas dos projetos incentivados e, mais do que boas práticas, chegamos, em 9 meses, a um sistema de gestão que pode servir de modelo para outros projetos”, explica Ana Flávia Cabral Souza Leite, diretora executiva da Orquestra Sinfônica Brasileira.

A grande novidade em termos de projeto é o empreendimento da Fundação OSBno campo da responsabilidade social, com seu projeto “Conexões Musicais”, que tem o objetivo de desenvolver os dois pilares de uma verdadeira política cultura – formação e fruição. O projeto de democratização do acesso à cultura será desenvolvido ao longo de 3 anos, passando por 30 cidade que já foram pré-selecionadas e propõe a música como instrumento de transformação e de envolvimento de milhares de crianças, alunos da rede pública de ensino e toda a população das cidades por onde a orquestra passa.

A orquestra manterá, além dos projetos socioculturais, temporada artística no Rio de Janeiro. Segundo Ana Flávia, é dever garantir a viabilidade operacional da instituição de forma que a orquestra possa seguir a sua missão artística na sociedade a partir de um lugar à altura da sua história e relevância como patrimônio cultural e cumprir o seu papel para a cultura da música, formação de valores e sua função social, em retribuição aos recursos que recebe. "Estamos perto da conclusão de um projeto de profunda transformação da nossa orquestra. Conquistamos de parte a parte a confiança recíproca dos músicos e os músicos na administração e hoje compartilhamos responsabilidades e conquistas. Temos muito a celebrar no dia 22! É um momento pelo qual todos nós esperávamos e temos certeza de que será um marco em nossa história".

 70 anos unindo o Brasil e a música clássica

Fundada em 1940, a Orquestra Sinfônica Brasileira foi pioneira não só na forma de levar a música sinfônica e de concerto para todos os cantos do Brasil e outros países, como também no incentivo à formação de novos talentos e difusão da cultura em território nacional. Em 2017 a OSB concentrará sua temporada de concertos na Sala Cecília Meireles, tendo recebido apoio permanente do Secretário de Estado da Cultura André Lazaroni.

PROGRAMA – CONCERTO BENEFICENTE

SALA CECILIA MEIRELES – 22 de outubro de 2017 – 18h

 

Concerto Especial - SCM -  Roberto Tibiriçá, regente 

Solista: Leonardo Hilsdorf (piano)  

 

Chopin, Frédéric <1810-1849>

Polonaise, op.40, nº 1 em La maior (Militar)

Instrumentação: 2 flautas, flautim, 2 oboés, 2 clarinetes, 2 fagotes, 4 trompas, 2 trompetes, 3 trombones, tímpano, percussão e cordas 

Composição: 1838

Duração: 4’

 

Chopin, Frédéric

Concerto para Piano nº1, op.11, em Mi menor

     I. Allegromaestoso 21'

     II. Romanze: Larghetto 11' 

     III. Rondo: Vivace 11' 

Instrumentação: 2 flautas, 2 oboés, 2 clarinetes, 2 fagotes, 4 trompas, 2 trompetes, 1 trombone, tímpano e cordas

Composição: 1830

Duração: 43'

 

-INTERVALO-

 

Strauss, Johann, Jr. <1825-1899>

O Morçego | Abertura

Instrumentação: 2 flautas, flautim, 2 oboés, 2 clarinetes, 2 fagotes, 4 trompas, 2 trompetes, 3 trombones, tímpano, percussão e cordas

Composição: 1874

Duração 9’

 

Tchaikovsky, Piotr Ilyich <1840-1893>

Três Valsas

     Eugene Onegin

     Lago dos Cisnes

     A Bela Adormecida

Instrumentação: 2 flautas, flautim, 2 oboés, 2 clarinetes, 2 fagotes, 4 trompas, 2 trompetes, 3 trombones, 1 tuba, tímpano, percussão e cordas

Composição: 1879, 1876, e 1889

Duração: 18’