top of page
  • Orquestra Sinfônica Brasileira

Orquestra Sinfônica Brasileira celebra 83 anos com concertos dias 19 e 20 de agosto

Pianista André Mehmari é o solista convidado para a ocasião e regência fica a cargo da maestra Simone Menezes. OSB Jovem realiza apresentação de abertura.



Apresentações no Brasil e no exterior, projetos educativos e sociais de grande impacto, divulgação incessante de um vasto repertório e um inabalável compromisso com a democratização de acesso à cultura. Desde 17 de agosto de 1940, a Orquestra Sinfônica Brasileira tem acreditado e apostado na força transformadora da música. Para celebrar os 83 anos dessa exitosa e desafiadora trajetória, a OSB realiza no palco da Sala Cecília Meireles, dias 19 e 20 de agosto, uma verdadeira festa sinfônica, que contará com a participação da OSB Jovem e do pianista e compositor André Mehmari. O programa traz uma seleção de joias da produção nacional, com obras de ontem e de hoje. Quem assume a batuta é a destacada maestra Simone Menezes.


De volta depois de um hiato de 11 anos, a OSB Jovem sobe ao palco para abrir o espetáculo em grande estilo, com o enérgico "Batuque", de Lorenzo Fernandez. A obra – uma das mais conhecidas do compositor brasileiro – integra a suíte orquestral Reisado do pastoreio, mas desde a sua estreia vem sendo apresentada com frequência de forma independente, dado o seu sucesso. A regência desta peça fica a cargo do maestro titular da OSB Jovem, Anderson Alves.


Já com a OSB no palco, o programa segue com obras e arranjos de André Mehmari, inventivo compositor contemporâneo que também assume o piano nestes concertos. A primeira peça éModular Paixões, uma valsa de harmonia instável que recebeu letra de Luiz Tatit (“Sim, dentro de mim, já modulei paixões …”), mas que aqui será ouvida em versão orquestral. Também no programa está o primeiro movimento da fantasia Portais Brasileiros I, de título "Prelúdio - Cantilena". Descrita pelo autor como um “concerto Brandemburguês brasileiro” e originalmente escrita para sopros e cordas, a obra foi expandida para piano e orquestra sinfônica especialmente para este espetáculo. Dois arranjos assinados por Mehmari também integram o bloco: "Loro", uma das mais populares melodias de Egberto Gismonti, surge em recriação para grande orquestra; já "Bebê" e "Frevo", de Hermeto Pascoal e Gismonti, respectivamente, são colocadas em contiguidade em uma versão especial, na qual o piano sobrevoa toda orquestra, fazendo comentários e somando-se a ela.


A fascinante Série Brasileira, de Alberto Nepomuceno, fecha o programa com chave de ouro. Escrita no período de estudos na Europa, quando o compositor tinha apenas 27 anos, a suíte é sem dúvidas um dos pináculos da produção nacional.



A ORQUESTRA SINFÔNICA BRASILEIRA:


Fundada em 1940, a Orquestra Sinfônica Brasileira é reconhecida como um dos conjuntos sinfônicos mais importantes do país. Em seus 83 anos de trajetória ininterrupta, a OSB já realizou mais de cinco mil concertos e é reconhecida pelo pioneirismo de suas ações, tendo sido a primeira orquestra a realizar turnês pelo Brasil e exterior, apresentações ao ar livre e projetos de formação de plateia.

Composta atualmente por mais de 70 músicos brasileiros e estrangeiros, a OSB contempla uma programação regular de concertos, apresentações especiais e ações educativas, além de um amplo projeto de responsabilidade social e democratização de acesso à cultura.

Para viabilizar suas atividades, a Fundação conta com a Lei Federal de Incentivo à Cultura, tem o Instituto Cultural Vale como mantenedor, a Shell e a NTS - Nova Transportadora do Sudeste como patrocinadores master, Brookfield e Eletrobras Furnas como patrocinadores, Sergio Bermudes Advogados e SulAmérica como copatrocinadores, além de um conjunto de apoiadores culturais e institucionais.



Saiba mais em



Simone Menezes, regência

André Mehmari, piano

Abertura: OSB Jovem (regência Anderson Alves)



PROGRAMA 19/08:

LORENZO FERNANDEZ - Batuque (Com OSB Jovem)

ANDRÉ MEHMARI – Modular Paixões

EGBERTO GISMONTI – Loro (arr. André Mehmari)

ANDRÉ MEHMARI – Portais Brasileiros I

  1. Prelúdio - Cantilena

HERMETO PASCOAL e EGBERTO GISMONTI – Bebê / Frevo (arr. André Mehmari)

– Intervalo –

ALBERTO NEPOMUCENO – Série Brasileira

  1. Alvorada na serra

  2. Intermédio

  3. A sesta na rede

  4. Batuque


PROGRAMA 20/08 (Concerto para a Juventude):

LORENZO FERNANDEZ - Batuque (com OSB Jovem)

ANDRÉ MEHMARI – Modular Paixões

EGBERTO GISMONTI – Loro (arr. André Mehmari)

ANDRÉ MEHMARI – Portais Brasileiros I

  1. Prelúdio - Cantilena

HERMETO PASCOAL e EGBERTO GISMONTI – Bebê / Frevo (arr. André Mehmari)

ALBERTO NEPOMUCENO – Série Brasileira

  1. Batuque


SERVIÇO:

Concerto Especial de Aniversário – 83 Anos da OSB

Dia 19 de agosto (sábado), às 19h

Ingressos: R$40,00 (R$20 meia)


Concerto Especial de Aniversário – 83 Anos da OSB | Concertos para a Juventude

Dia 20 de agosto (domingo), às 11h

Ingressos: R$10,00 (R$5,00 meia)


Local: Sala Cecília Meireles (Rua da Lapa, 47 – Centro, Rio de Janeiro)

Ingressos à venda na bilheteria da Sala Cecília Meireles e no site Eleven Tickets



MAIS INFORMAÇÕES PARA IMPRENSA:

Érica Avelar

erica.avelar@osb.com.br

(21) 98119-4559




Comments


Acompanhe tudo sobre a orquestra que toca o Brasil

bottom of page